Curadoria de imóveis ajuda hóspedes a alugarem casas de férias com segurança (*) Bruna Cabral É relativamente fácil buscar pela internet opções de casas para alugar para uns dias de descanso. Isso, é claro, se você tiver tempo e paciência para procurar. Mas não basta ser bom em pesquisa para achar “A” casa, que tenha exatamente a estrutura que você deseja, que comporte confortavelmente o número de pessoas que irão viajar juntas e que esteja disponível na data da sua preferência. Além de haver uma preocupação sobre o local ser realmente de confiança para ir com a família ou amigos sem ter surpresas desagradáveis, outra grande insegurança de quem aluga uma casa pela internet é em relação ao que irá encontrar quando chegar, já que nem todas as divulgações e fotos refletem a realidade. Para encurtar esse caminho de escolha de um imóvel e evitar frustrações com a locação, é muito importante poder contar com a curadoria de uma empresa de confiança, que faça a pré-seleção das casas nesse mercado tão concorrido, que seja transparente em relação à estrutura do local e que dê todo o suporte necessário durante a estadia. Na prática, a curadoria é como um filtro de qualidade, que seleciona e apresenta os melhores imóveis de acordo com o perfil de quem busca e sua necessidade no momento. Ela traz tranquilidade ao hóspede, porque há a garantia de que os imóveis disponíveis para locação passaram por uma aprovação prévia de uma equipe técnica e que a sua hospedagem será acompanhada de perto. E foi justamente pensando em solucionar os problemas que existem nas duas pontas da locação – os proprietários que sofrem para divulgar e administrar as suas propriedades e os hóspedes que se queixam por não serem bem atendidos durante a estadia – que foi criada a WelHome. A startup é especializada na gestão completa de casas de férias avaliadas em mais de R$ 1 milhão e tem uma equipe que trabalha incansavelmente para encontrar o match perfeito entre a casa e a pessoa que procura exatamente o que esse imóvel tem a oferecer. E como além da qualidade e da segurança a equipe da WelHome também preza pela praticidade e faz o possível para facilitar a vida de quem quer saber mais sobre a empresa, os serviços oferecidos e as casas disponíveis no campo, na montanha ou na praia, todas as informações são organizadas e compartilhadas de maneira clara. Por essa razão, já no primeiro acesso ao site, estão disponíveis: descritivo completo das casas e suas estruturas, fotos e vídeos profissionais de todos os espaços, tour 360º para possibilitar uma visita virtual, calendário com as datas disponíveis para locação e valores das diárias. E além de ajudar quem deseja se hospedar em uma das casas geridas pela WelHome a escolher a melhor opção de acordo com o que precisa, a curadoria da plataforma ainda inclui a intermediação da contratação de prestadores de serviços adicionais para os dias de hospedagem. Todos também selecionados para que o hóspede se sinta seguro ao receber na casa, por exemplo, um pizzaiolo, barman, sushiman, cozinheiro, chef de cozinha, motorista, massagista, personal trainer ou babá nos seus dias de descanso. A WelHome está trabalhando incansavelmente para que esses momentos de lazer em família e com os amigos sejam impecáveis. O mercado de locações está crescendo e estamos atuando para que ele seja cada vez melhor, já que acreditamos que as únicas surpresas devem ser as positivas, ao se deparar com a beleza e a estrutura de uma casa, com a excelência no atendimento e com a qualidade dos prestadores de serviços parceiros. (*) Bruna Cabral é CEO da startup WelHome (welhome.com.br), graduada em Arquitetura e Urbanismo pelo Centro Universitário Belas Artes de São Paulo e com MBA em Gestão de Negócios pela FIA, em SP Bruna Cabral, CEO da WelHome Foto de uma das casas geridas pela WelHome, localizada em Campos do Jordão Foto de uma das casas de campo geridas pela WelHome, localizada em Ibiúna

admin
01/01/1970
Tempo de leitura: 0 minutes