Diversidade e igualdade de gênero são fundamentais para a sobrevivência das empresas

Dados da Organização das Nações Unidas apontam que as lideranças femininas são essenciais no combate à pandemia da COVID-19. Entre as ações em comemoração ao Dia Internacional das Mulheres que este ano tem como tema “Mulheres na liderança: Alcançando um futuro igual em um mundo de COVID-19” está o reconhecimento de que países chefiados por mulheres tiveram uma resposta nacional ao novo coronavírus mais rápida e efetiva. Contudo, a ONU alerta que as mulheres são chefes de Estado e de Governo em apenas 20 países em todo o mundo.

Segundo a especialista em carreiras e processos empresariais, Andreza Silva, o cenário de perpetuação da desigualdade de gênero está no campo público, mas também nas empresas. “Mulheres estudam mais, trabalham mais, mas ainda ocupam bem menos cargos de gerenciamento, explica”.

Para a especialista, o cenário só irá mudar se as empresas perceberem o benefício da diversidade em cargos de gestão e liderança. “Hoje já é claro e notório que as mulheres trazem para as organizações diferentes experiências, perspectivas e habilidades que são essenciais em um cenário competitivo e de constante transformações que estamos vivendo. Ou seja, igualdade e diversidade é saudável e necessário para as organizações. As empresas que perceberem isso vão sobreviver e se destacar”, explica Andreza.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abrir chat
Olá, podemos ajudar?
Olá, podemos te ajudar?