Expoflora inova o Passeio Turístico com visita ao Magic Garden Holambra

Avatar photo
Thiago Soares
09/09/2022
Tempo de leitura: 4 minutes

Expoflora inova o Passeio Turístico com visita ao Magic Garden Holambra

Proposta é manter o city tour pelos pontos turísticos da cidade e proporcionar momentos inesquecíveis em um local repleto de gigantescas esculturas decoradas com mais de 10 mil vasos de flores. O espaço só pode ser acessado pelos visitantes da Expoflora, que acontece em Holambra, no interior de São Paulo, entre os dias 2 e 25 de setembro, das 9h às 19h, de sexta a domingo, e nos dia 7 e 8 de setembro.

A Expoflora inova o Passeio Turístico, uma de suas atrações, nesta edição de 2022. A maior exposição da América Latina de flores e plantas ornamentais, realizada em Holambra, a 134 quilômetros de São Paulo, agora oferece aos visitantes, além do city tour para conhecer a história da cidade, momentos inesquecíveis no Magic Garden Holambra, um local especialmente preparado para que os turistas se emocionem ainda mais ao caminhar por entre canteiros ou esculturas de flores e plantas ornamentais. O Magic Garden fica a apenas 6 quilômetros do Parque da Expoflora, o que reduz em 50% o tempo e o percurso do Passeio Turístico oferecido em anos anteriores.

De uma área total de 50 mil m², 12 mil m² receberam decorações florais este ano. É como ingressar em um mundo encantando, onde as flores jorram de torneiras suspensas e de imensos tonéis, ou decoram lagos e cenários compostos por corações, avestruzes, ursos, cisnes e personagens, como a jardineira que emerge do espelho d´água prestes a regar os jardins e a partner que levita suavemente sobre as flores, desafiando a gravidade. O Passeio Turístico é realizado das 9h às 17h, em todos os dias de funcionamento do evento (de 2 a 25 de setembro, de sexta a domingo, e nos dias 7 e 8 de setembro), e terá preço único de R$ 40,00. A visita ao Magic Garden Holambra só é autorizada aos visitantes da Expoflora com os ônibus do Passeio Turístico, cuja venda de ingressos é feita dentro do parque do evento, ou com os veículos das excursões que adquirirem os ingressos antecipadamente.

Dez mil flores

Para dar forma e cor e garantir diferentes texturas à decoração floral, foram utilizadas 10 mil mudas de suculentas, begônias, sunpatiens, petúnias e moreias, entre outras, além de 30 mil sementes de girassóis que, uma vez floridos, formam iluminados canteiros cortados por caminhos que permitem aos visitantes passearem entre eles. A visita começa por uma trilha ladeada por, aproximadamente, 100 tuias holandesas, conduzindo os visitantes até a imensa torneira suspensa, instalada a quatro metros de altura, que jorra petúnias até um espelho d´água, onde as flores transformam-se em ondas de sunpatiens por meio de um degradê que vai do branco ao vermelho, passando por várias nuances do cor-de-rosa.  Ao lado, três tonéis gigantes de fibra de coco também despejam sunpatiens do alto de uma colina para a formação de canteiros interativos.

No passeio pela passarela de 60 metros de comprimento e sombreada por 250 guarda-chuvas coloridos, gigantescas esculturas de ferro ou resina, encobertas ou ladeadas por flores e plantas ornamentais, destacam-se na cena campestre. Neste ponto, a passarela se abre em círculo para abraçar o lago de flores suspenso, escolhido pelo casal de cisnes brancos para apreciar, apaixonadamente, a deslumbrante paisagem. Todos os caminhos foram estrategicamente planejados para que o público possa interagir com as flores nas fotos. Até das árvores pendem as delicadas petúnias. O passeio dura, em média, 50 minutos, mas os visitantes podem permanecer o tempo que desejarem no Magic Garden Holambra, inclusive descansando à sombra do pergolado rústico com plantas mais áridas, como cactos e suculentas. Há sanitários e venda de água para os visitantes.